Imagem capa - Porquê casamentos? por HR - Histórias Reais
Dicas de Casamento

Porquê casamentos?


   É inexplicável a sensação de lidar com o sonho das pessoas, ainda mais um sonho que qualquer erro, por menor que ele seja, vai comprometer o resultado final. Quando começam as entradas na igreja, quando os músicos começam encher de emoção o peito de todos ali, a mão chega a tremer. É assim em todo casamento! O sentimento de responsabilidade e o querer que tudo saia da maneira mais impecável possível invadem nossos coração e a cada nova foto, a cada novo take, buscamos a perfeição. Mesmo ela sendo uma utopia!

   Mentiroso é aquele que fala que já está acostumado e que não fica mais nervoso ou ansioso quando a porta se abre e "lá vem a noiva". Impossível não sentir a tensão de todos que estão com os olhares direcionados a ela. E o noivo então? Durão, o chefe da casa, o rei do pedaço... na hora que as trompetas tocam ele é o primeiro a se derreter de chorar. Poucos são os que não derramam uma lágrima! E na hora de buscá-la pra ir ao altar então? ( o famoso e temido "encontro dos noivos") Tem gente que se perde e não lembra nada do que os cerimonialistas falaram e já dá um beijo na boca da noiva antes mesmo do padre começar a falar!

   A noiva, por sua vez, com todas as atenções voltadas para ela, vem deslumbrante, impecável, com o buquê no ossinho da cintura, sorriso tremendo, mão escorrendo suor e com toda sua delicadeza à mostra, caminha na direção do altar sabendo que o seu dia planejado nos sonhos de cada noite começou.

   Pois bem, além disso tudo, ainda tem as alianças carregadas por uma criança que nem sequer sabe o por que está carregando aquilo naquele corredor imenso e assustador, cheio de gente olhando e rindo pra ela. Na cabeça dela só se passa o brinquedo ou o doce que foi prometido ganhar ao cumprir essa difícil missão!

   A próxima e tensa missão fica a cargo do noivo. É a de pôr a aliança certa no dedo certo da mão certa com o padre olhando de perto e ditando os votos. Difícil ver o noivo que não se perde nessa hora! Mas depois que as alianças estão nos seus devidos lugares, a tensão vai embora e na saída do casal é só festa e arroz por todos os lados e dentro do vestido, no penteado, no terno, nos olhos... kkkk se juntar já dá a janta do casamento!

   Quer mais emoção que isso?

   Melhor que vivenciar tudo isso e ter tudo ali na câmera para ver quando quiser, é chegar em casa, tomar um belo banho e deitar a cabeça no travesseiro com o sentimento de dever cumprido!